29 de jul de 2010

É Carnaval - Carnaval 1997



Autor: José B. Alves



Carnaval é de muita controvérsia, frequentemente tem sido atribuído à evolução e à sobrevivência do culto de Ísis, das bacanais, luperficiais, saturnais romanas dos festejos em honra de Dionísio na Grécia.



Porém, o que não deixa dúvidas, é que a origem do carnaval foi para prazeres da carne; "Carnival" sendo festejado com bacanais onde a luxúria e a gula predominavam. Também foi festejado com máscaras e roupagem extravagantes. No Brasil, o entrudo foi transformando-se em manifestações de alegria e até protestos políticos. Zé Pereira, o português, foi o inicio de uma grande transformação e depois enriquecido pela força do ritmo negro dentro da sociedade, assim o carnaval cresceu nas ruas e nos salões. Corsos, Ranchos, Blocos, Sociedade, frevos, cordões e escolas de samba, eis a festa mais rica do mundo. Enfim o carnaval em si é a ilusão de uma vida que é totalmente dividida em três dias.



Houve tempo, em que a picardia e a liberdade de se expandir com alegria e arte, estavam sujeitas à censura que em muito diminuiu a alegria do carnaval e a cultura deste povo.



A nossa proposta é trazer o autêntico carnaval, descontraído e dividido em quatro partes:



a) Sinais de sua origem greco romana;

b) Africanos e seus descendentes, com a força maior do carnaval, que é o samba, frevo, etc.;

c) Personagens e foliões de rua e dos salões;

d) E a crítica da atual conjuntura política.







COMPOSITORA: NEUZA F. ARAÚJO



O NOSSO PÉ GRANDE

ESSE ANO VEM CONTAR

A HISTÓRIA DE UMA FESTA

TÃO BONITA E POPULAR

É O CARNAVAL E O SAMBA VERDADEIRO

ME DÁ LICENÇA QUE EU VOU ME SOLTAR



NOS BACANAIS VOU FESTEJAR

VOU FESTEJAR

SACUDIR A ALEGRIA

EU VOU SAMBAR

ENTRE PIRATAS E CASTELOS DE MARFIM

ENCONTREI UMA MORENA SÓ PRA MIM



DE ORIGEM GREGO ROMANA O CARNAVAL

TRAZ RANCHOS, CORSOS, BLOCOS

A SOCIEDADE NOS CORDÕES

NA EUFORIA DE VIVER ESSA BELEZA O FOLIÃO

HOMENAGEIAM ZÉ PEREIRA NO SALÃO



NOS QUATRO DIAS DE FOLIA

EU VOU, EU VOU

DE PIERRÔ COMEMORAR, COMEMORAR

NO CALOR DE UM LINDO SONHO DE MAGIA

PRA LÁ E PRA CÁ


Nenhum comentário: